Pesquisar este blog

quarta-feira, 21 de fevereiro de 2018

Como localizar encontrar um livro na estante de uma biblioteca?

Quem nunca teve dificuldade para encontrar um livro na estante de uma biblioteca? Para encontrar um livro na estante de uma biblioteca é necessário ter o número de chamada. O número de chamada é o código colocado na lombada dos livros, teses e obras de referência. O número de chamada aparece na espinha dorsal do livro escrito horizontalmente. Veja a ilustração abaixo: 



Leitura do Número de Chamada. Entendendo o exemplo:
O número de chamada é composto basicamente pelo:

1. Número decimal que corresponde ao assunto da obra na tabela de Classificação Decimal de Dewey. Ex.: 301.2

2. Código do autor da obra, formado pela primeira letra do sobrenome do autor +  número + primeira letra do título. Ex.: G562m

Os livros são organizados na estante segundo a abrangência do assunto, partindo do geral para o mais específico.  Para encontrar o livro, procure primeiramente pelo n. de classificação, nessa ordem:
300
301.1
301.2
301.3
305

Achou o 301.2
Agora procure o código do autor: primeiramente a letra, em ordem alfabética.
Depois o número, em ordem numérica crescente.
Depois novamente a letrinha do título.

A ordem é esta:
A410o
F312lp
G562a
G562m

Ordem dos livros na estante
A posição das obras na estante é de acordo com a numeração que se encontra em ordem crescente da esquerda para a direita. Conforme mostra a ilustração abaixo:


Para que servem os Números de Chamada? Cada livro na biblioteca tem um único número de chamada, que diz onde o livro está localizado no acervo da biblioteca (é como se fosse o RG do livro, não há dois livros com a mesma localização). Os livros estão ordenados pelo número de classificação e dentro do assunto, por sobrenome do autor e por título. Os materiais que compõem o acervo são ordenados por assunto de acordo com a Classificação Decimal Dewey (CDD). A CDD divide o conhecimento humano em 10 grandes classes principais:
000 – Obras Gerais
100 – Filosofia
200 – Religiões 
300 – Ciências Sociais
400 – Filologia e Lingüística 
500 – Ciências Exatas
600 – Ciências Aplicadas
700 – Artes
800 – Literatura
900 – Biografia, História, Geografia

LEMBRETES: 
Antes de comparecer a biblioteca anote a localização do livro na estante. Você precisa do número de chamada completo para encontrar o livro na prateleira.

Catálogo Online da UFRJ - O acesso ao Catálogo Online da UFRJ permite a consulta ao acervo no Sistema de Bibliotecas da UFRJ, além da renovação e reserva. O Sistema de Bibliotecas da UFRJ é formado por 46 unidades nas diversas áreas do conhecimento. 

O que é importante saber!
Caso você não consiga encontrar o livro na estante, certifique-se que não está emprestado.

Fontes:


More (Mecanismo Online para Referências)

Tutorial sobre o More (Mecanismo Online para Referências), que automatiza o processo de formatar referências de trabalhos científicos. Como criar referências bibliográficas https://youtu.be/5sGn23l8I1w

CITAÇÕES TRADUZIDAS

É bastante provável que, em algum momento, você precisará incluir em um de seus trabalhos acadêmicos uma citação em outro idioma. Nesse caso, mantenha a citação no idioma original (se for aceitável no contexto do seu trabalho) ou faça a tradução para o português. Ao traduzir a citação, inclua a expressão “tradução nossa” dentro dos parênteses. Opcionalmente, inclua a citação original em uma nota de rodapé. Veja o link: https://www.facebook.com/biblitoral/photos/a.436277353068432.110809.395209507175217/2009240879105397/?type=3&theater

terça-feira, 2 de janeiro de 2018

BIBLIOTECA DO IPPUR/UFRJ 2.0 ESTÁ DE CARA NOVA!

NOSSO BLOG BIBLIOTECA DO IPPUR/UFRJ 2.0 ESTÁ DE CARA NOVA!
48.012 visualizações de página

http://bibliotecadoippurdaufrj.blogspot.com.br



quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

Treinamentos para usuários da Biblioteca do IPPUR / UFRJ


O novo Canal de vídeos para treinamento da Biblioteca do IPPUR/UFRJ garante a toda comunidade da UFRJ (interna e externamente) o acesso ao conhecimento/produção científica. 

terça-feira, 12 de dezembro de 2017

Adesão e plantão das bibliotecas durante a greve dos técnicos-administrativos da UFRJ

Com a greve dos técnicos-administrativos em educação da UFRJ, algumas bibliotecas estão funcionando em esquema de plantão, enquanto outras aderiram completamente a interrupção de suas atividades.
Lembramos que todos os usuários podem renovar seus empréstimos online através da Base Minerva e podem acessar a rede da UFRJ para utilização do Portal Capes através da Intranet.

quinta-feira, 23 de novembro de 2017

GUIA PRÁTICO PARA NORMALIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS DA BIBLIOTECA DO IPPUR/UFRJ

GUIA PRÁTICO PARA NORMALIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS DA BIBLIOTECA DO IPPUR/UFRJ.


O Guia Prático para Normalização de Trabalhos Acadêmicos tem como objetivo auxiliar os alunos do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano e Regional da Universidade Federal do Rio de Janeiro (IPPUR/UFRJ) na elaboração dos seus trabalhos acadêmicos. Clique no link abaixo e acesse a nova versão



terça-feira, 19 de setembro de 2017

Posso citar um documento não publicado?

Ao citar um documento que ainda não foi publicado ou que está em fase de elaboração, indique entre parênteses, após a citação, a fase em que o documento se encontra, por exemplo:

- no prelo
- em fase de elaboração
- não publicado
- em fase de pré-publicação
- submetido à publicação

Na lista de referências, informe os dados sobre o documento e a fase em que se encontra, exemplo:

SEYFERTH, G. A liga pan-germânica e o perigo alemão no Brasil: análise sobre dois discursos étnicos irredutíveis. No prelo.




sábado, 16 de setembro de 2017

As 9 perguntas de um artigo científico:


Responder a essas 9 perguntas pode ser uma forma de estruturar o raciocínio e sair daquele bloqueio que tem adiado a escrita e publicação do seu artigo.

segunda-feira, 28 de agosto de 2017

Software de Gestão Bibliográfica

Definição: Os Software de Gestão Bibliográfica permitem recolher, gerir e citar fontes bibliográficas.

Os gerenciadores de referências bibliográficas são softwares que auxiliam a:

Ø reunir referências bibliográficas automaticamente a partir de bases de dados;
Ø formatar manuscritos e citações instantaneamente de acordo com as normas da ABNT, Vancouver ou outras;
Ø gerar bibliografias;
Ø criar e organizar um banco de dados de pesquisa pessoal de referências, imagens e PDFs;
Ø compartilhar citações com pares, entre outras funções.

Os principais gerenciadores bibliográficos gratuitos são: EndNote WebMendeley e Zotero.

As principais diferenças entre os gerenciadores citados acima:

EndNoteWeb

Ø      Acesso autorizado via Web of Knowledge.
Ø    Funciona em ambiente Windows e Mac. Integrável com o processador de texto Microsoft Word e o Open Office.
Ø     Só guarda a referência do documento.
Ø     Permite importar e exportar bibliografia de apenas alguns software.

 

Mendeley

Ø É um site colaborativo (acesso mediante registro), permitindo a partilha de informação online. Define-se como “… academic social network”.
Ø  Funciona em ambiente Windows, Mac e Linux. Integrável com o processador de texto Microsoft Word e o Open Office.
Ø Permite o armazenamento de PDF’s e permite a pesquisa de informação dentro da própria plataforma.
Ø Permite importar e exportar bibliografia de outros software.

  

Zotero

Ø  É um software livre (em open source) disponibilizado pelo web browser Firefox, que permite recolher, gerir e citar fontes bibliográficas.
Ø   Funciona em ambiente Windows, Mac e Linux. Integrável com o processador de texto Microsoft Word e o Open Office.
Ø Permite o armazenamento das páginas HTML, PDF´s, de imagens, de documentos em Word ou Excel, inclusive.
Ø  Permite importar e exportar bibliografia de outros software.

 

Citation Machine

ØÉ um gerador Web automático de citação e referência que ajuda estudantes e pesquisadores a citar corretamente as fontes utilizadas, em vários estilos: MLA (7a edição), APA (6a edição), Turabian e Chicago.
ØPrimeiro se escolhe um dos 4 estilos acima, seguido do tipo de fonte a ser citado. Um formulário Web é aberto para preenchimento dos campos necessários e, após o preenchimento, a citação para se colocar no texto e a referência bibliográfica são geradas. Estas devem ser copiadas para o texto do trabalho, pois não são armazenadas. Interessante aplicativo Web que indica todos os campos de fontes, principalmente as fontes mais atuais como multimídias e mídias sociais.

 

JabRef

Ø      Software livre.
Ø      Editor avançado de BibTex.
Ø      Permite importação de vários formatos.
Ø      Cria e customiza formatos de exportação.
Ø      Possibilita traduções automáticas.

CiteUlike

Ø   É um site colaborativo, que permite armazenar, organizar e partilhar informação. O seu objetivo é promover e incentivar a partilha de informação científica entre investigadores.
Ø     Não é integrável com os processadores de texto Microsoft Word e o Open Office.
Ø   Permite a importação e armazenamento das páginas HTML e PDF’s e também a pesquisa de informação dentro da própria plataforma.
Ø      Permite importar e exportar bibliografia de outros software.


Links relacionados:

COMO ALINHAR OS NÚMEROS DE UM SUMÁRIO NO WORD

Pergunta:
Como eu faço para alinhar os números de um sumário no Word?  Estou fazendo um trabalho e estou digitando um sumário, só que os números do Sumário não ficam alinhados (Exemplo 1). Gostaria que alguém me ajudasse.

Exemplo 1: 

               SUMÁRIO 
Resumo................3 
Conclusão............8 
Anexo.................15

Resposta:
Um truque para conseguir alinhar o número de página das seções do Sumário com facilidade é construir o Sumário dentro da estrutura de uma tabela e depois colocar os contornos da mesma invisível. A tabela deve ser criada com uma estrutura de três colunas:  primeira coluna – numeração das seções, segunda coluna – titulo das seções e a terceira coluna – indicação da paginação.

Nota: Lembre-se que não existe pontuação e nem símbolos de nenhuma espécie entre o número da seção do Sumário e o titulo da mesma.  


OBSERVAÇÃO: Coloque as linhas e contornos da tabela invisíveis. Clique em Sem Borda”.


Exemplo 2: 

SUMÁRIO  (com borda visível)

1
INTRODUÇÃO
5
2.1
Pré-Textuais
7
2.1.1
Capa
7


SUMÁRIO  (com borda invisível)

1
INTRODUÇÃO
5
2.1
Pré-Textuais
7
2.1.1
Capa
7


SEÇÕES DO SUMÁRIO 2

Os indicativos das seções de um sumário devem ser escritos do mesmo modo tanto no sumário quanto no corpo do trabalho acadêmico (texto).

As seções sem indicativos numéricos devem ser centralizadas em relação a margem esquerda (Resumo, Agradecimento, Referência, etc.);

A subordinação das partes ou capítulos (seções primárias) e das divisões dos capítulos (seções secundárias, terciárias etc.) no sumário deve ser destacada pela apresentação gráfica usada no texto. Veja o exemplo abaixo:
  
NO SUMÁRIO:

CAPÍTULO 1 Seção primária  (Fonte em caixa alta negritada).
1.1 Subcapítulo Seção secundária  (Fonte em caixa baixa negritada).
1.2.1 Subcapítulo Seção terciária (Fonte em caixa baixa sem negrito).
1.2.1.1 Subcapítulo Seção quaternária (Fonte em caixa baixa sem negrito).

No Sumário a numeração deve vir sempre alinhada a esquerda:

1 ENTRADA
1.1 Sobre o caminho da construção efetiva
1.2 Sobre a constituição
2 PRATO PRINCIPAL


e assim por diante.

SEÇÕES DO SUMÁRIO 1

Pergunta:
O mesmo padrão de apresentação dos títulos para o sumário seguem para o corpo do texto? 

Resposta:

Sim, o padrão é o mesmo. A subordinação das partes ou capítulos (seções primárias) e das divisões dos capítulos (seções secundárias, terciárias etc.) no sumário deve ser destacada pela apresentação gráfica. Seções alinhadas a esquerda SEM recuo de margem. Veja o exemplo abaixo:
 
Exemplo no Sumário 1:

1 CAPÍTULO 1 Seção primária (Fonte em CAIXA ALTA NEGRITADA).
1.1 Subcapítulo Seção secundária (Fonte em caixa baixa negritada).
1.1.1 Subcapítulo Seção terciária (Fonte em caixa baixa sem negrito).


Observações: Os títulos das seções do sumário devem ser escritos conforme exemplo abaixo. Tanto no sumário quanto nas seções do corpo do trabalho:

  • Os indicativos das seções de um sumário devem ser escritos do mesmo modo tanto no sumário quanto no corpo do trabalho acadêmico (texto).
  • Os indicativos numéricos dos capítulos, seções e outras partes do texto representados no sumário devem ser alinhados à esquerda conforme a NBR 6024 (numeração progressiva);
  • No texto as seções sem indicativos numéricos (Referências, Anexos, etc) devem ser centralizadas;
  • Lembre-se que não existe pontuação e nem símbolos de nenhuma espécie entre o número da seção do Sumário e o titulo da mesma.   
Exemplo no Sumário 2:

SEÇÃO PRIMÁRIA
1.1 Seção secundária
1.1.1 Seção terciária
1.1.1.1 Seção quaternária

quinta-feira, 24 de agosto de 2017

Citações de citações (os famigerados “apuds”)

As citações de citações (os famigerados “apuds”) devem ser evitadas ao máximo. No entanto, em algumas situações extremas, não temos como fugir delas. Veja algumas orientações para que você possa fazer citações de citações da melhor forma possível:
  1. Indique primeiramente a obra original (aquela a qual você não teve acesso);
  2. Inclua “apud”, termo em latim que corresponde à expressão “citado por”, entre a obra original e a obra consultada;
  3. Na nota de rodapé, inclua a referência completa da obra original.
Na lista de referências, inclua as referências de ambas as obras: a original e a consultada.

segunda-feira, 21 de agosto de 2017

Biblioteca do IPPUR/UFRJ: história, missão e visão.

TÍTULO DA ILUSTRAÇÃO

Como devo identificar uma fotografia na minha monografia?

Respondendo...

ILUSTRAÇÃO (FOTOGRAFIA, RETRATO, FIGURA, PLANTA, GRÁFICO, MAPA, ESQUEMA, FLUXOGRAMA, ORGANOGRAMA, QUADRO, DESENHO ETC)

O título da ilustração deve ser inscrito acima da ilustração justificado com espacejamento entrelinhas simples em fonte menor que a do texto (preferencialmente tamanho 10)

Abaixo da ilustração deve-se informar a fonte

A fonte deve ser colocada abaixo da ilustração, precedida da palavra “Fonte” escrita também em fonte menor que a do texto (preferencialmente tamanho 10).


Exemplo:

Gráfico 1: Abordagem disciplinar, ocorrência em valores relativos.

                          
Fonte: Gaya (1994, p. 55).